}

Dica Técnica

Voltar
Buchas endurecidas complicaram o diagnóstico de ruído na suspensão
Suspensão e Direção

Buchas endurecidas complicaram o diagnóstico de ruído na suspensão

No dia a dia dos mecânicos, uma situação sempre complicada, apesar de muito comum, é buscar a causa de um defeito e encontrar tudo com uma aparência perfeita. 
 
Um Honda Civic 2014 apresentava um incomodo barulho na parte dianteira. O teste de rodagem indicava algo simples, como uma folga em borrachas, pivôs, bieletas, terminais ou caixa de direção. Mas, no elevador, nada estava errado.
 
Para dificultar ainda mais, o sedan era pouco rodado, bem cuidado e tinha várias peças originais. Foi necessário desmontar as suspensões e fazer testes com itens novos. Após trocar as bandejas, o ruído sumiu. Após analisar as buchas do carro viu que tinham perdido a flexibilidade, estavam duras como um plástico.
 
Diante de um caso complicado, é recomendado aos colegas que investiguem todos os elementos do sistema, inclusive aqueles que parecem ótimos. Certas avarias são difíceis de notar numa inspeção rápida, falhas intermitentes podem piorar as coisas e também é preciso desconfiar de erros de aplicação ou posicionamento. 
 
Ao instalar um componente prensado, algo comum em várias partes dos veículos, é importante ter cuidado com a segurança e a qualidade do serviço. Na manutenção do Honda, por exemplo, foram utilizados dispositivos para substituir as buchas e verificado o estado dos alojamentos. Quando encontra um desgaste anormal, troca-se tudo.
 
 
***Vencedora do terceiro lugar do mês de junho na promoção Feras da Oficina Nakata, essa dica foi postada pelo Alex Girardi - Centro de Reparação Automotiva Girardi e Gastaldo, Guaporé, RS, em atendimento a uma Honda Civic 2014.